Estudos de sexta a noite: conheça três filmes que podem ajudar a compreender conteúdos do Enem

Para quem vai prestar o exame, qualquer auxílio para fixar os conhecimentos é fundamental para garantir um bom resultado. Que tal estudar assistindo filme?

Estudos de sexta a noite: conheça três filmes que podem ajudar a compreender conteúdos do Enem
O documentário "Indústria americana" aborda a globalização ao apresentar a abertura de uma fábrica em Ohio, EUA. - Foto: Reprodução

Em alta entre adolescentes e adultos, assistir filmes, além de ser uma forma de entretenimento, também funciona como um aliado nos estudos para as provas do Enem, que este ano acontecem nos dias 21 e 28 deste mês. 

Fugindo dos roteiros óbvios, o diretor acadêmico da rede de colégios Luminova, Yan Navarro, indica três títulos e faz uma relação com o conteúdo exigido no exame.  

Indústria Americana: o documentário, vencedor do Oscar em 2020, está conectado com as disciplinas de geografia e história, especificamente a globalização e o desenvolvimento e transformação das atividades econômicas relacionadas à indústria. O filme mostra os contrastes entre a cultura americana e chinesa durante a abertura de uma fábrica em Ohio, nos Estados Unidos. 

Foto: Divulgação

Nomadland: a obra retrata uma personagem que trabalha como empacotadora em um galpão da Amazon de forma sazonal e busca emprego em outras cidades viajando com seu motorhome pelo interior dos Estados Unidos. Para o Enem, o filme é uma excelente opção, pois apresenta temas relacionados ao neoliberalismo e à geografia econômica, já que aborda importantes momentos da economia neoliberal atual, tendo como referência os Estados Unidos.

Foto: Divulgação

Os 7 de Chicago: Em 1968 ocorreu um grande protesto em Chicago, local em que acontecia a Convenção Nacional Democrata, contra a guerra do Vietnã. Houve tumulto e violência policial e o governo acusou um seleto grupo de pessoas de conspiração em um julgamento que entrou para a história dos EUA. Para o Enem, o filme está inserido no conteúdo de história da segunda metade do século XX. 

Foto: Divulgação

 

Luminova