16/10/2020 10:38

ELEIÇÃO

Entrevista com Professor Edmilson, candidato à prefeitura de Maringá pelo PSOL

A entrevista com Bovo é a nona da série de matérias com os prefeituráveis de Maringá

Entrevista com Professor Edmilson, candidato à prefeitura de Maringá pelo PSOL
Intuito da série de entrevistas é fazer com que o público conheça um pouco mais sobre os candidatos, suas opiniões e propostas. - Foto: Divulgação

Ciente da importância do papel eleitoral de cada cidadão, o Maringa.Com realizou uma série de entrevistas com os candidatos e candidatas à prefeitura de Maringá. As entrevistas consistem em um questionário com 13 perguntas abordando diferentes aspectos e problemáticas da cidade. Confira as respostas do candidato Professor Edmilson:

Nome de Urna: 
Professor Edmilson

Nome completo: 
Edmilson Aparecido da Silva

Data de nascimento: 
9 de novembro de 1969 

Filiação: 
PSOL

Cargos políticos exercidos: 
Presidente da SESDUEM (Seção Sindical dos Docentes da UEM-Andes) por duas gestões.

Qual é a vocação de Maringá (turismo, indústria, educação etc.) e qual será o foco para explorar e ampliar este perfil que a cidade possui?

Nenhuma cidade, inclusive Maringá, tem uma vocação a priori. Maringá é uma cidade de porte médio de um país subdesenvolvido e dependente, exportador de commodities, e isso determina a sua condição. O agronegócio intervém fortemente em nossa região, mais ainda do que em outras regiões do todo país, inibindo a possibilidade de desenvolvimento industrial e promovendo a economia com base em serviços. Embora Maringá tenha uma média salarial de 2,8 salários mínimos, sabemos que isso é uma média, puxada pelos salários mais altos. 

Os trabalhadores maringaenses, na sua maioria, não acompanham essa média, isso sem levar em conta que o salário mínimo está muito abaixo das necessidades reais do trabalhador. Como cidade majoritariamente prestadora de serviços,não temos bons empregos, não temos bons salários, não temos um mercado consumidor consistente e, portanto, com as crises do mercado, sempre teremos problemas de arrecadação. Por esse motivo, a prestação de serviços públicos de qualidade está muito aquém das necessidades da população. O fato de que somos um polo econômico e de queas condições das cidades vizinhas possam ser ainda mais graves não devem nos impedir de ver a nossa realidade.

Uma reclamação recorrente de quem mora na periferia é de que as ações governamentais ocorrem mais no centro. Se eleito, o que fará em prol da área periférica de Maringá?

Trabalharemos com a formação dos Conselhos Populares, que têm como objetivo a organização dos trabalhadores para conhecer o funcionamento das esferas administrativas e como se dão as tomadas de decisões, as licitações, os acordos, os conchavos etc. A Prefeitura municipal, como parte do Estado capitalista, é um grande balcão de negócios da burguesia. Assim, os interesses da burguesia se concentram no centro da cidade ou, no caso das periferias, na especulação imobiliária. 

Então, como o lucro de alguns poucos importa mais que a vida da grande maioria, as ações do Estado na periferia concentram-se,principalmente, no campo da repressão, especialmente à juventude, naquilo que se costuma chamar de “segurança pública”.Nós temos que fazer, portanto, uma escolha: continuamos a trabalhar com os interesses do capital que opera em nossa cidade ou fazemos a escolha por atuar com a força da organização dos trabalhadores? A segunda alternativa nos conduz à organização dos conselhos e ela não significa o abandono do centro, mas da criação de um centro que acolhe também o morador da periferia. 

Para isso, precisamos também de uma outra política de mobilidade, para garantir acesso barato do trabalhador ao centro, além de uma nova política de cultura que torne o centro mais interessante do que apenas ir ao shopping fazer compras. Da mesma forma, o caminho inverso deve ser percorrido. A periferia deve ter os atrativos e as condições para acolher o trabalhador do centro. Diminuir as diferenças entre centro e periferia, necessariamente, passa por combater a atual lógica administrativa

Qual será o principal projeto cultural e como será realizado?

Por meio dos Conselhos Populares, buscaremos colocar em prática um projeto cultural pensado pela classe trabalhadora do município, incentivar a criação de centros culturais que desenvolvam arte, música, literatura, debates políticos e que cheguem o mais próximo possível de toda comunidade.

Nos últimos cinco anos, a população em situação de rua dobrou em Maringá. De acordo com a última pesquisa realizada pelo Observatório das Metrópoles, em 2019 o índice foi 27% superior ao ano de 2018 e muitos indivíduos estão nessa situação há menos de umano. Como o município pode auxiliar para que essas pessoas saiam da situação de rua?

As pessoas em situação de rua são um sintoma de tudo que falamos antes. O agronegócio expulsa a população das pequenas cidades da região em direção a Maringá. Aqui, não gerar bons empregos, não gera bons salários. Os trabalhadores que já estão instalados na cidade, aos poucos, perdem, junto com os que vêm de fora, a capacidade de viver em um mercado imobiliário extremamente agressivo. 

A prefeitura deve acolher e buscar amparar essa população, para que saiam da situação de rua, além de denunciar, dia após dia, que isso é um problema que acompanha o capitalismo dependente brasileiro. Isso possibilita que os trabalhadores se organizem para questionar e denunciar a orientação de classe dos gestores da miséria, que levam sempre em consideração os interesses do grande capital e abandonam toda população à sua sorte.

Após dois anos consecutivos em primeiro lugar como a melhor cidade do Brasil, Maringá caiu de posição e se encontra em segundo lugar no ranking “Desafios da Gestão Municipal (DGM)”, que analisa quatro setores fundamentais: saúde, educação, segurança e saneamento e sustentabilidade. Na sua opinião, quais medidas deveriam ser tomadas para Maringá recuperar a liderança? 

Basta olhar para a vida da classe trabalhadora maringaense para perceber que essa classificação é irrelevante, está descolada e não reflete a realidade da grande maioria da população. É verdade que nossa cidade possui alguns poucos bons indicadores, mas isso não significa que os trabalhadores e trabalhadoras de Maringá possuam a qualidade de vida digna que merecem. Em Maringá, assim como em todo o país, predomina a superexploração do trabalho, os baixos salários, o péssimo saneamento (visto nesses últimos dias, em que vários bairros ficaram sem água), o medo da violência, a falta de perspectivas para a juventude, a ausência de qualquer política cultural independente, a falta de emprego, o aumento dos moradores de rua, entre outros. 

Não se deve almejar uma posição melhor nesse ranking, que apenas relativiza nossa miséria e a falência do sistema apodrecido em que vivemos. Observar um ranking que versa sobre os desafios da gestão municipal sem lembrar que estamos em um país subdesenvolvido, como é o caso do Brasil, é querer apenas gerir a miséria. 

As medidas que defendemos são as de organizar os trabalhadores e trabalhadoras em seus locais de trabalho e bairros, possibilitando que os problemas reais de nosso município sejam apresentados não ao gestor e sim ao prefeito que lá foi colocado para apontar a falta de saídas dentro desse sistema e toda a suavização dos grandes problemas enfrentados pela classe trabalhadora, como esse ranking. Além disso, é nosso objetivo fazer oposição sistemática aos grupos políticos que há décadas dominam a cidade e dar suporte integral para todas as lutas da classe trabalhadora que ocorrem e ocorrerão em nossa cidade.

A pandemia do Coronavírus acarretou uma crise no mercado formal em Maringá. De acordo com dados do Ministério da Economia, cerca de 9,5 mil maringaenses solicitaram o seguro-desemprego entre abril e junho de 2020. Este foi o maior patamar trimestral da série histórica, desde o ano 2000. De que maneira a prefeitura poderia amenizar esses números e quais seriam as medidas adotadas?

Não há resposta fácil, precisamos entender o porquê desse desemprego. Em primeiro lugar, é importante lembrar que a crise que vivemos não começou com a pandemia, ela vem muito antes dela. É só lembrar a redução no PIB que o Brasil teve em 2019, o chamado “pibinho do Guedes”, dos dados relativos ao desemprego etc. De fato, se a crise pela qual passa o Brasil estoura em 2015, sem recuperação alguma até aqui, ela já vinha sido gestada há ainda mais tempo.

Cabe lembrar que o Brasil não é um país isolado e sozinho no mundo e o capitalismo vem em crise desde 2008, crise que se inicia nos Estados Unidos e que até aqui se arrasta. É importante termos isso em mente, porque, em um sistema global, nosso país ocupa uma posição subalterna e dependente. Daí que qualquer oscilação e queda dos lucros dos grandes conglomerados globais acarreta um tsunami no país, e é preciso que se diga, sem meias palavras: dentro da ordem capitalista, não há nenhuma alternativa para o país.

Agora, é importante termos em mente, e os dados que vocês trazem colocam a questão: esse tsunami, intensificado pela pandemia, não afeta todos da mesma maneira, muito pelo contrário, são os trabalhadores que pagam o pato. A fortuna dos bilionários do país – e no mundo – apenas aumentou no período de crise. Para eles, não tem tempo ruim, muito menos pandemia, pois ficam bem protegidos,enquanto a população se coloca em risco para poder ter o mínimo do seu ganha pão. Veja, esse dado do desemprego nos mostra também o seguinte: quase 65% dos requerimentos veio do comércio e dos serviços e 25%veio da indústria. 

O que isso significa? De um lado, que nossos pequenos empreendimentos quebram, levando muitos empregos consigo e pequenos empresários à falência, e essa fatia do mercado é abocanhada pelos grandes conglomerados que eu mencionei, cujos proprietários sequer são brasileiros. Do outro lado, a nossa indústria, raquítica e em desaparição, também sofre e seu mercado é absorvido pelas multinacionais. Ora, se as multinacionais vão muito bem, obrigado, esse também é o caso do grande latifúndio e dos grandes bancos! A coisa é tão escancarada que o latifúndio, em busca de grandes lucros, tem preferência pela exportação de seus produtos, pelos quais recebem em dólar, e o arroz, por exemplo, falta na mesa do povo brasileiro. 

Os bancos recebem trilhões de reais do Estado brasileiro, enquanto que o auxílio emergencial se reduz a míseros 600 reais, e agora, a apenas 300! Quem vive com 300 reais por mês? Pior, eles já estão preparando o discurso de que o Estado gasta muito com o povo e, assim que passar a pior fase da pandemia, se sequer esperarem tanto tempo, vem mais paulada no nosso lombo. Então, para responder à sua pergunta, tenho que apontar o seguinte: a crise que causa o desemprego é a crise capitalista, que bate ainda mais forte num país dependente como o Brasil. Mais do que isso,o desemprego não é só efeito fortuito, mas faz parte do projeto de quem detém o poder neste país. Para estes, aí não há crise, apenas oportunidade. 

O Brasil é como é porque suas classes dominantes lucram com a miséria da nossa população. Assim, qualquer candidato que queira inventar história de como, com “gestão” ou algo parecido, com “parcerias com o setor privado”, ele poderá criar tantos e quantos empregos e tirar Maringá da crise, estará mentindo para a população, fazendo o jogo de quem nos trouxe até aqui. Por isso, para nós, a solução em Maringá tem dois lados: por um lado, dentro das terríveis limitações impostas ao município e que se repetem em todos os municípios e Estados brasileiros que são sangrados para engordar os bolsos dos banqueiros, temos de direcionar nossas forças possíveis a criar empregos que, ao mesmo tempo, estejam direcionados à satisfação de necessidades populares básicas e urgentes, como moradia, transporte e saneamento básico. 

Assim, também podemos evoluir no problema da segurança, que não se resolve com gastança maior em violência contra a população em geral. Por outro lado,as limitações das soluções dentro do sistema são grandes demais para oferecer soluções a longo prazo e, mesmo a curto prazo, um prefeito não pode enfrentar sozinho os interesses em torno do orçamento público. 

Desse modo, em Maringá, como em todo o Brasil, precisamos organizar a classe trabalhadora, por exemplo, em torno de conselhos populares, que façam a mediação com a prefeitura, trazendo as necessidades e discutindo as soluções em conjunto com o poder público, mas, mais do que isso, exercendo também o poder público, sendo a base de sustentação de um projeto popular em Maringá. Somente com os trabalhadores organizados em torno de um projeto político próprio, que se generalize nacionalmente, contra os interesses de quem nos trouxe até aqui, é possível enfrentarmos a crise.

O Plano de Mobilidade de Maringá, o PlanMob, tem como principal objetivo estabelecer um trânsito menos poluente, com maior qualidade no transporte coletivo e viabilidade para o uso de bicicletas como meio de transporte. Considerando a realidade maringaense, quais destes fatores seria o principal obstáculo a ser superado para a implementação do PlanMob de modo efetivo?

Em primeiro lugar, é importante lembrar que teve início, uma greve dos trabalhadores do transporte urbano de Maringá. Nosso primeiro compromisso é com os trabalhadores e trabalhadoras e, por isso, declaramos todo nosso apoio aos trabalhadores auto-organizados e denunciamos que a diretoria da TCCC, empresa que por décadas tem sugado os recursos públicos do município e explorado seus motoristas, recusa-se a sequer pagar reposição salarial destes importantes trabalhadores.

Além disso, é necessário ampliar a discussão com toda a população e reconhecer que não existe uma única solução, mas que as alternativas devem ser levantadas e debatidas pela nossa comunidade. As decisões sobre mobilidade, bem como sobre todos os outros temas,não podem ficar restritas aos interesses de meia dúzia de vereadores e empresários, nem tampouco limitadas a algumas iniciativas que tenham muita visibilidade, que deem uma aparência “sustentável” para a cidade, mas que não apontem para a resolução do problema. 

O transporte coletivo de Maringá está nas mãos de uma grande empresa capitalista, que atua oligopolicamente no Brasil e exerce um inaceitável monopólio em Maringá. Este é, sem dúvida, um ponto a ser debatido, se não na direção da municipalização do serviço, ao menos nas formas de exercer controle e pressão sobre esse monopólio.

Na sua opinião, qual é o principal problema a ser resolvido em Maringá? E como pretende resolvê-lo?

O principal problema de Maringá é o mesmo problema que assola todos os municípios de nosso país, a nossa condição enquanto uma economia capitalista dependente que promove, em todas as suas esferas, a desigualdade social. Os municípios de um país dependente economicamente e subdesenvolvido como o Brasil enfrentam e continuarão enfrentando uma série de contradições que impedem o desenvolvimento das cidades, dos estados e da nação. Esse problema demanda uma solução nacional, fora da ordem capitalista e, portanto, muito além do alcance de uma prefeitura. 

A esta, em uma perspectiva socialista, compete organizar os trabalhadores, denunciar todas as contradições e problemas do sistema, denunciar a intervenção dos grandes capitalistas e os gestores que beneficiam estes. Não podemos continuar apostando em sermos apenas exportadores de produtos agrícolas e importadores de todo tipo de tecnologia, uma vez que muitos governos pouco investem em pesquisas e isso nos faz cada vez mais dependentes. Devemos nos preocupar com o empobrecimento cada vez maior de nossa população, como desemprego, com a fome e com todos os demais sintomas do sistema que tem como base a exploração do homem pelo homem. Não há saídas dentro do sistema capitalista,urge a necessidade de uma radical mudança social.

CANDIDATOS – O intuito da série de entrevistas é fazer com que o público conheça um pouco mais sobre os candidatos, suas opiniões e propostas. Confira a data de postagem de cada matéria. A ordem estabelecida é alfabética:

  • Akemi Nishimori - PL (5 de outubro)
  • Anníbal Bianchini - PTC (6 de outubro)
  • Audilene Rocha - Progressistas (7 de outubro)
  • Carlos Mariucci - PT (sem respostas)
  • Dr. Batista - DEM (8 de outubro)
  • Eliseu Fortes - Patriota (9 de outubro)
  • Evandro Oliveira - PSDB (13 de outubro)
  • Homero Marchese - Pros (14 de outubro)
  • José Luiz Bovo - Podemos (15 de outubro)
  • Professor Edmilson Aparecido da Silva - PSOL (16 de outubro)
  • Rogério Calazans - Avante (17 de outubro)
  • Ulisses Maia - PSD (20 de outubro)
  • Valdir Pignata - Cidadania (21 de outubro)
Maringa.Com

Últimas Notícias

ENSINO MÉDIO

PUC-PR adia encerramento das atividades presenciais em Maringá para dezembro

Segundo a reitoria, a transformação do Câmpus Maringá em um pólo de Ensino à Distância (EaD) será iniciada no primeiro semestre de 2022

ENSINO SUPERIOR

Edital de transferência externa da UEL traz vagas em 29 cursos

As inscrições, no valor de R$ 154,00, deverão ser feitas somente online, no site da COPS

ECONOMIA

Petrobras anuncia novo aumento nos preços da gasolina, diesel e gás de cozinha

A partir de desta terça-feira (2), a gasolina fica 4,8% mais cara, o óleo diesel 5% e o gás 5,2%

VACINAÇÃO

Idosos com mais de 83 anos podem ser vacinados nesta segunda-feira (2)

Trabalhadores da saúde ativos com mais de 43 anos que atuam em atividades hospitalares e extra-hospitalares também podem ser vacinados

CLIMA

Com menos chuva em fevereiro, Paraná reforça pedido para economia de água

Simepar apontou que a precipitação acumulada em dez pontos diferentes do Paraná foi de 772,4 milímetros, 44,5% menor do que média histórica para o período

CORONAVÍRUS

Boletim do Covid-19 (coronavírus) em Maringá

Confira a atual situação de Maringá, Sarandi e Paiçandu em relação ao Covid-19

ALERTA

Maringá não vai receber pacientes de cidades que não aderiram restrições, diz prefeito

Além disso, Maia disse que está organizando barreiras sanitárias na entrada da cidade

FISCALIZAÇÃO

Grupo de Gestão Integrada realiza 88 vistorias e cinco atuações no final de semana em Maringá

Durante o final de semana 36 pessoas foram multadas

VESTIBULAR

UEM suspende vestibular 2020

Nova data será estabelecida pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEP)

SAÚDE

Hospital Bom Samaritano é notificado por realizar cirurgias eletivas durante colapso na saúde

O procedimento é uma cirurgia eletiva, ou seja, não emergencial, e está proibido pelo decreto lançado pelo Governo do Estado nesta sexta-feira (26)

VACINAÇÃO

Idosos com mais de 84 anos podem ser vacinados nesta segunda-feira (1°)

Trabalhadores da saúde ativos com mais de 44 anos que atuam em atividades hospitalares e extra-hospitalares também podem ser vacinados

ALERTA

Entenda a situação crítica no sistema de saúde do Paraná

Com o aumento no número de casos da covid-19 o índice de ocupação de leitos atinge patamares preocupantes resultando em listas de espera para internamento

ALERTA

Veja quais são os serviços essenciais em atendimento durante o lockdown

O governador do Paraná, Ratinho Jr., declarou a suspensão de todas as atividades não-essenciais por oito dias

AUXÍLIO

Auxílio emergencial deve ficar em R$ 250 por quatro meses a partir de março

No ano passado, foram pagas cinco parcelas de R$ 600 e outras quatro de R$ 300

QUARENTENA

Ratinho Jr. anuncia lockdown de oito dias em todo o Paraná

Novo decreto suspense qualquer atividade não-essencial e amplia o horário do toque de recolher

Empréstimo em Maringá.

Anuncio em destaque Imagem do anuncio Empréstimo em Maringá.

Dinheiro na hora, Passe o cartão e sai com dinheiro. Aceitamos Visa, Master, Hiper Card, Elo Cooper Card, American Express e Outros. Site: WWW.PASSECREDITO.COM.BR (ATENÇÃO, estamos no mercado a mais de 9 anos com loja Física, Não passe seu cartão em praça ou ruas e avenidas, Cuidado com estelionatário) A melhor taxa, Faço orçamento por telefone ou Whats. Para realizar a antecipação do valor precisa ter Cartão de Credito com o valor disponível ir até a loja com Cartão de Credito e com documento com foto. Funciona da seguinte forma. Parcelo de 2x até 12x no cartão de credito Passe o valor desejado no cartão de credito e sai com o dinheiro na hora sem burocracia. Não troco cheque, não faço boleto, não faço sem cartão de credito. Contato: Cledeilson (44) 9 9822-5262 Whats EMPRÉSTIMO DE DINHEIRO EM MARINGÁ.


R$ 1.000,00

EMPRÉSTIMO DE DINHEIRO ...

Anuncio em destaque Imagem do anuncio EMPRÉSTIMO DE DINHEIRO EM MARINGÁ NO CARTÃO DE CREDITO

Dinheiro na hora, Passe o cartão e sai com dinheiro. Aceitamos Visa, Master, Hiper Card, Elo Cooper Card, American Express e Outros. Site: WWW.PASSECREDITO.COM.BR (ATENÇÃO, estamos no mercado a mais de 9 anos com loja Física, Não passe seu cartão em praça ou ruas e avenidas, Cuidado com estelionatário) A melhor taxa, Faço orçamento por telefone ou Whats. Para realizar a antecipação do valor precisa ter Cartão de Credito com o valor disponível ir até a loja com Cartão de Credito e com documento com foto. Funciona da seguinte forma. Parcelo de 2x até 12x no cartão de credito Passe o valor desejado no cartão de credito e sai com o dinheiro na hora sem burocracia. Não troco cheque, não faço boleto, não faço sem cartão de credito. Contato: Cledeilson (44) 9 9822-5262 Whats EMPRÉSTIMO DE DINHEIRO EM MARINGÁ NO CARTÃO DE CREDITO.


A combinar

roda 14 fiat

Anuncio em destaque Vendido Imagem do anuncio roda 14 fiat

vendo roda aro 14'' da fiat


R$ 1.000,00

EMPRÉSTIMO DE DINHEIRO ...

Anuncio em destaque Imagem do anuncio EMPRÉSTIMO DE DINHEIRO EM MARINGÁ NO CARTÃO DE CREDITO

Dinheiro na hora, Passe o cartão e sai com dinheiro. Aceitamos Visa, Master, Hiper Card, Elo Cooper Card, American Express e Outros. Site: WWW.PASSECREDITO.COM.BR (ATENÇÃO, estamos no mercado a mais de 9 anos com loja Física, Não passe seu cartão em praça ou ruas e avenidas, Cuidado com estelionatário) A melhor taxa, Faço orçamento por telefone ou Whats. Para realizar a antecipação do valor precisa ter Cartão de Credito com o valor disponível ir até a loja com Cartão de Credito e com documento com foto. Funciona da seguinte forma. Parcelo de 2x até 12x no cartão de credito Passe o valor desejado no cartão de credito e sai com o dinheiro na hora sem burocracia. Não troco cheque, não faço boleto, não faço sem cartão de credito. Contato: Cledeilson (44) 9 9822-5262 Whats EMPRÉSTIMO DE DINHEIRO EM MARINGÁ.


A combinar

Terreno plano 10x15 Can...

Anuncio em destaque Imagem do anuncio Terreno plano 10x15 Canadá 2° parte

10 metros frente x 15 fundo. Sub-Esquina. Plano. Parte alta do bairro. Sol da manhã na parte da frente. Para construção de sobrado, vista excelente. Rua tranquila - travessa entre Rua Toronto e rua Quebec. Fácil acesso ao Centro , Uem, avenida Mandacaru. Avalio permuta por veículo até 50 Mil Reais, dependendo do ano , modelo. Valor R$ 160.000,00


R$ 160.000,00

BARRAS DE ACCESS A TÉCN...

Anuncio em destaque Imagem do anuncio BARRAS DE ACCESS A TÉCNICA QUE AJUDA NO TRATAMENTO DA  ANSIEDADE, DEPRESSÃO, LIBERAÇÃO DE CRENÇAS LIMITANTANTES, TRAUMAS, BLOQUEIOS FÍSICOS E MENTAIS

Barras de Access™ são 32 pontos energéticos localizados na cabeça (similares a pontos meridianos), que se conectam aos diferentes aspectos de nossas vidas, quando esses pontos são ativados eles ajudam na liberação de estresse, traumas do corpo e atuam onde estão armazenados os componentes eletromagnéticos de todos os nossos pensamentos, ideias, crenças, emoções, pontos de vista, julgamentos e outras considerações que incluímos em nossa mente em qualquer momento de nossas vidas, desde a nossa concepção, fazendo com que tenhamos uma visão mais positiva sobre todos os aspectos de nossas vidas. Quando esses pontos são tocados gentilmente eles estimulam uma mudança positiva no cérebro e desfragmentam os componentes eletromagnéticos causados por estresse, pensamentos e emoções. É o mesmo que apertar a tecla "Del" de um computador. Seu corpo escolhe os arquivos que precisam ser eliminados, seleciona e deleta fazendo com que a sua mente tenha mais espaço para funcionar da melhor forma possível. Podemos dizer que é como se voltar a programação original de fábrica. Sua mente volta a funcionar no seu programa original. Essa técnica suave e não invasiva serve para liberar bloqueios físicos e mentais que foram armazenados no corpo e ajudam a trazer facilidade em todas áreas da vida. Quando tocados gentilmente os pontos estimulam uma mudança positiva no cérebro e atuam nos seus caminhos neurais buscando por mais saúde, amor, paz, gratidão. Atualmente é uma técnica usada em pessoas com ansiedade, depressão, fibromialgia, esta sendo também utilizada em escolas, presídios, e empresas no mundo todo para promover mais saúde física e mental, maior bem estar e trazer mais facilidade em todas áreas da vida. A ferramenta Barras de Access™ foi criada por um americano chamado Gary Douglas em 1990, só chegando ao Brasil em 2014. Os efeitos são únicos para cada pessoa, e diferem de sessão para sessão. Entretanto pessoas que receberam uma única sessão relatam que perceberam uma melhora significativa nos seguintes quadros: Clareza mental e redução de estresse, mais foco e concentração, melhora na condição física, melhoras nos hábitos alimentares, aumento na motivação, mais facilidade de comunicação, aumento significante nos sentimentos de alegria, felicidade, gratidão, bondade e paz, mais relaxamento e efeitos positivos em casos de enxaqueca e insônia entre outros. Em que mais a terapia com as Barras de Access™ pode ajudar? - promove um imediato bem estar físico e mental; - Reduz dores físicas; - Promove paz e um relaxamento profundo; - Dissipa uma boa parte dos bloqueios mentais, emocionais, físicos e energéticos que lhe mantêm imobilizado; - Cria mais espaço e possibilidades em todas as áreas da vida; - Ajuda na liberação de crenças limitantes em todas as áreas; - Receba muito mais e faça um pouco menos; - Mais liberdade e alegria para o seu corpo; - Uma sessão de barras de access equivale à 2 horas de meditação; - Ajuda na mudança de comportamento; - Ajuda a melhorar a autoestima; - Produz foco e concentração; - Acalma e alivia o estresse; - Reduz o falatório mental; - Equilibra as energias; - Alivia a insônia, durma melhor e acorde renovado e cheio de alegria; - Reduz os sintomas de ansiedade; - Aumenta a criatividade; - Gera mais produtividade no trabalho; - Reduz os sintomas da depressão; - Ajuda nos casos de TDAH e DDA; - Gera expansão da consciência; - Gera paz e tranquilidade, acalma e relaxa a mente; - Ajuda a controlar o impulso por vícios como cigarro e bebida; - Reduz e ameniza as dores de pacientes com fibromialgia; - Não existe contra indicação; É IMPORTANTE LEMBRAR QUE BARRAS DE ACCESS NÃO É E NEM TEM LIGAÇÃO COM RELIGIÃO! O terapeuta de Barras poderá seguir essa sequência na hora da sessão ou não, cada terapeuta irá adequar a sessão para o que a pessoa que está na maca precisa, ele irá seguir a energia da sessão. A melhor forma de você entender o que são as Barras de access é experimentando uma sessão. Encontre um terapeuta de Barras e viva na pele essa experiência maravilhosa. O QUE BARRAS DE ACCESS "NÃO" É? Barras de access não é Religião; Não é necessário que quem esteja recebendo as barras acredite no processo, a ferramenta irá funcionar da mesma maneira; Barras de access não é psicoterapia; Barras de access não é tratamento médico, barras de access não trata doenças e nem fatos em si, barras de access é uma ferramenta de expansão da consciência, onde a própria consciência do individuo que irá receber as barras fará o que tem que ser feito; O practitioner de barras de access não é médico e não pode prescrever ou retirar remédios do seu consultante; Marque uma sessão! Você só vai saber como é bom quando experimentar! Atendimento com horário marcado. (44)99164-4890


R$ 130,00

SESSÃO DE REIKI PRESENC...

Anuncio em destaque Imagem do anuncio SESSÃO DE REIKI PRESENCIAL OU À DISTÂNCIA EM MARINGÁ

Reiki é a energia natural, harmônica e essencial a todo ser vivente. REI: É a sabedoria Universal, a fonte primeira, Deus, o Criador, aquele que é a chama, Buda, Brahnma Cristo, a ordem natural, o Todo, Tupã, a energia. Cada civilização, cada cultura em seu tempo e costume conheceu ou conhece por um nome diferente, mas no fim das contas é Um só. KI: Significa Energia Vital. Os hindus chamam de Prana, os chineses de Chi, os egípicios chamavam de Ka, os gregos Pneuma, os judeus Nefesh, os Kahumas da Polinésia chamam de Mana, os russos de Bioenergia, os alquimistas de Fluido da vida e os cristãos de Luz ou espírito Santo. Ki é a energia que flui de todo ser vivo. O Reiki é canalizado através do terapeuta reikiano e é aplicado através da imposição das mãos, repondo a energia vital de quem está recebendo a energia Reiki. A energia Reiki é uma energia inteligente e irá atuar da forma que cada ser precisa no momento da aplicação, então não existe como o Reiki ser aplicado de forma errada ou fazer mal para quem está recebendo. Nível Físico: Atua amenizando doenças e males no corpo físico, aliviando dores, desconfortos e incômodos. Pode ser associado a outros tratamentos sem nenhum dano ou interferência maléfica nos mesmos. Nível Emocional: Atua tratando os distúrbios de origem emocional, equilibrando as emoções e os sentimentos, consciente e inconsciente. Nível Mental: Atua tratando as doenças de origem mental, amenizando seus efeitos e causas. Nível Espiritual: Atua neutralizando as perturbações espirituais, expurgando energias e influencias negativas e intrusas. Um tratamento com Reiki é também uma prática intuitiva e portanto o terapeuta pode ajustar dependendo do que sentir ser o mais apropriado para quem irá receber a energia Reiki. O que NÃO ocorre no Reiki: - Qualquer tipo de manipulação do corpo do paciente, Reiki NÃO é massagem(mas pode ser usado durante a massagem); - Toque em áreas intimas; - Despimento. O tempo da sessão varia, isso é o terapeuta Reikiano que irá decidir, o terapeuta irá fazer uma breve anamnese para saber as causas do motivo da ida do paciente até ele, a pessoa pode receber Reiki sentada ou deitada, também pode ser aplicado Reiki junto com demais técnicas tais como: aromaterapia, cromoterapia, cristais e etc. O Reiki faz parte de um conjunto de terapias naturais energéticas, é reconhecido pela OMS - organização mundial de saúde e pode ser aplicado em pessoas, bebês, gestantes, plantas e animais! É benéfico para todos e não tem contra indicação, vendo os seus resultados O SUS - Sistema único de saúde já oferece o Reiki como uma de suas terapias alternativas que agora já somam um total de 29 práticas complementares oferecidas pelo SUS. Benefícios do Reiki: - Reduz dores fisicas; - Equilibra os chakras; - Gera clareza e equilíbrio mental;- Produz foco e concentração; - Acalma e alivia o estresse; - Equilibra as energias; - Alivia a insônia; - Equilibra e fortalece o sistema imunológico; - Acelera o metabolismo; - Desintoxicador natural; - Equilibra os hormônios; - Reduz os sintomas de ansiedade; - Aumenta a criatividade; - Acelera a recuperação em tratamentos medicos; - Pode ser aplicado em plantas e animais; - Ajuda a reduzir o desconforto dos pacientes de quimioterapia; - Reduz os sintomas da depressão; - Ajuda nos processos inflamatórios do corpo; - Ajuda nos casos de TDAH e DDA; - Gera expansão da consciência; - Gera paz e tranquilidade, acalma e relaxa a mente; - Ajuda a controlar o impulso por vícios como cigarro e bebida; - Reduz e ameniza as dores de pacientes com fibromialgia; - Ajuda a controlar a pressão arterial; - Ajuda na recuperação dos pós operatórios; - Não existe contra indicação; - Não tem ligação com credo ou religião; *Antes de iniciar a aplicação de Reiki é feita a verificação, limpeza e harmonização dos Chakras com o uso da Radiestesia (Pêndulo). Após feito esse procedimento se iniciará a aplicação de Reiki. A sessão de Reiki é composta pelo uso da Musicoterapia e da Aromaterapia caso seja necessário. *O local de aplicação de Reiki será feito de acordo com cada caso e após a verificação com a radiestesia. *As sessões são feitas semanalmente ou quinzenalmente. *A sessão presencial é feita no espaço de terapias localizado na Av. Brasil no centro de Maringá Marque uma sessão e venha experimentar os benefícios do Reiki. Você só vai saber como é bom quando experimentar Atendimentos apenas com horário marcado! WhatsApp: (44)9 9164-4890 (Terapeuta Thainá Rigueira) / Maringá - PR


R$ 110,00

Display cruze LT - 2015...

Anuncio em destaque Imagem do anuncio Display cruze LT - 2015

Display original do Chevrolet Cruze LT - 2015. nunca foi usado! retirado na Agencia na compra do carro zero.


R$ 180,00

EXCELENTE KITNET SEM CO...

Anuncio em destaque Imagem do anuncio EXCELENTE KITNET SEM CONDOMÍNIO, PRÓXIMO SHOPPING MANDACARÚ

KITNETE com cozinha e lavanderia conjugada, banheiro e 1 quarto. SEM MOBÍLIA* ACESSIBILIDADE. ESTACIONAMENTO PARA MOTO. Este é o link do whats https://wa.me/5544998240302 Ótima iluminação, ventilação e SEGURANÇA. Próximo a supermercados, farmácia, comércio e fácil acesso ao centro de Maringá. Ponto de ônibus na rua. DEPÓSITO CAUÇÃO NO VALOR DE R$1.000,00 (dividido em 3 vezes), QUE SUBSTITUI O FIADOR. Exige comprovação de renda. Taxa de APROXIMADAMENTE R$90,00 referente a água e gás. Energia elétrica com conta individual. Não aceita animais. Portão eletrônico e interfone. Local tranquilo e familiar. RUA JOÃO DE MATOS ALBERTO 281, VILA SANTA IZABEL, MARINGÁ PR ( EM FRENTE AO TIRO DE GUERRA, A DUAS QUADRAS DA AV MANDACARU, ENTRE O SHOPPING MANDACARU E O HU). Agende sua visita: Whatsapp Este é o link do whats https://wa.me/5544998240302


R$ 450,00

Vendo Chácaras de Lazer...

Anuncio em destaque Imagem do anuncio Vendo Chácaras de Lazer em Maringá

Vendo chácaras de lazer em Maringá com ótima localização, áreas de 2.500m² à R$ 220 mil reais e 5.000m² à 400 mil reais. Com poço artesiano, próximo a Estrada São Domingos e Amaer. Ótima oportunidade para se viver com mais tranquilidade na zona rural. Possibilidade de construção em cima da terra nua, sou proprietário de construtora. Aceito imóvel urbano como parte de pagamento. Direto com proprietário. Contato: João Henrique (44) 99964-8663.


A combinar