ECONOMIA

Expectativa dos lojistas de Maringá é vender até 30% a mais neste natal

Todos os anos, a semana que antecede o Natal sempre é de movimento intenso no comércio de Maringá. Pelo menos é isso que esperam os lojistas da cidade. Quase 80% deles calculam que vão vender até 30% mais neste Natal em comparação ao de 2011.

É o que aponta a pesquisa do Departamento de Pesquisa e Estatística (Depea) da Associação Comercial e Empresarial de Maringá (ACIM) realizada entre o dia 21 de novembro e 3 de dezembro com 100 associados. Do total de entrevistados, 91% se declararam otimistas com as vendas de fim de ano e 84% acreditam que elas serão superiores as do ano passado. Apenas 8% apostam em estabilidade e outros 8%**em queda.

Para atrair os consumidores, 49% dos comerciantes pretendem investir em promoções e 54% vão contratar funcionários temporários para suprir a demanda de clientes. Sobre os gastos, 32% dos associados entrevistados disseram que no Natal os clientes costumam gastar entre R$ 101 e R$ 200 na compra dos produtos, enquanto que 21% acredita que a média de valor gasto será de R$ 201 a R$ 400.

A forma de pagamento escolhida será o cartão de crédito parcelado, na opinião de 61% dos entrevistados. Já 21% dos lojistas acreditam que os clientes vão pagar as compras à vista.

As roupas (45%) são os campeões disparados de procura, seguidos por calçados (16%) e óculos de sol (8%). Os brinquedos aparecem como intenção de presente em apenas 3%, atrás até mesmo de móveis (4%).